Como a tecnologia está apostando alto na arte gerada por IA

A Ascensão do Software de Inteligência Artificial Gerativa

Estamos diante de uma nova fronteira no mundo da tecnologia: a Inteligência Artificial Gerativa (IAG).

Com uma rapidez impressionante, essa novidade tem agitado o cenário tecnológico. Este campo emergente engloba softwares capazes de produzir desde postagens em blogs, tweets, artigos acadêmicos até histórias noticiosas.

Além disso, eles também conseguem criar obras de arte premiadas, como uma que ganhou o concurso de arte da Feira Estadual do Colorado.

O Futuro da Produção Visual

A IAG tem potencial para mudar o panorama da produção visual.

Em breve, é possível que essas ferramentas substituam os exércitos de artistas de efeitos visuais necessários para trabalhar em filmes de grande orçamento, democratizando esse tipo de poder visual para qualquer pessoa com uma conexão à Internet.

Claro, desde que estejam dispostas a pagar por essas ferramentas.

AI em Ação

Essas ferramentas podem se tornar assistentes pessoais alimentados por IA, criando slides para apresentações ou redigindo postagens de blog em minutos, em vez de horas.

Grandes empresas de capital de risco do Vale do Silício estão investindo centenas de milhões nessas empresas como a Stability AI e a OpenAI.

O Que é a Inteligência Artificial Gerativa?

A Inteligência Artificial Gerativa é uma categoria de modelo de IA que automatiza a criação de conteúdo.

Ao contrário da maioria da IA que, nas últimas décadas, foi voltada para a análise de dados existentes, a IAG é diferente. Ela permite criar conteúdo completamente novo, seja um texto, uma imagem, um vídeo ou até mesmo um áudio, como a criação de uma música inédita.

Como a tecnologia está apostando alto na arte gerada por IA
A IAG tem potencial para mudar o panorama da produção visual.

O Poder da Criação

Esses programas conseguem criar imagens nunca antes vistas, baseadas em frases dadas pelos usuários, não importa o quão absurdas sejam.

Por exemplo, se quiser ver um gato preto na lua no estilo de Pablo Picasso, a IA o fará para você, mesmo que ninguém jamais tenha pedido algo assim antes.

A Importância do Deep Learning

Esses programas são baseados em uma subárea de aprendizado de máquina que tem recebido muita atenção nos últimos 10 anos, conhecida como Deep Learning.

O Deep Learning utiliza redes neurais ou equações matriciais para ingerir dados e aprender sobre as relações nesses dados, produzindo, no final, o que é chamado de modelo com pesos que permitem que ele faça essas coisas mágicas.

Empresas na Vanguarda da IA

Empresas de todos os tipos e tamanhos estão envolvidas com IA. Grandes empresas como Mehta e Google têm algoritmos de IA gerativos.

Muitas pessoas estão usando os modelos mais como brinquedos por enquanto, mas há uma grande expectativa de que esses modelos sejam incorporados em produtos e serviços oferecidos por empresas, grandes e pequenas.

Dilemas Éticos

Há uma longa lista de preocupações éticas se a IAG realmente decolar. Primeiro, desinformação e desinformação – pense em deep fakes, mas em esteroides.

Essas tecnologias também podem ser usadas para assediar pessoas, gerando consequências negativas.

A segunda grande questão gira em torno de direitos autorais. A IAG precisa de enormes conjuntos de dados para criar arte digital e outras mídias.

Em alguns casos, o conjunto de dados é uma grande extensão da internet pesquisável.

Isso significa que o software está usando arte com direitos autorais existentes de artistas da vida real, que poderiam entrar com processos judiciais por infringirem seu trabalho.

O Debate Feroz

Há um debate acirrado acontecendo agora sobre quão disruptiva essa tecnologia será.

Alguns investidores a veem como o momento em que o mercado total para algo legal se expande muito. Outros acham que a IA gerativa é muito diferente.

Já estamos vendo uma explosão de casos de uso no mundo real onde isso pode ajudar a vida das pessoas, tornando-as mais produtivas.

Apesar de todas as preocupações, é indiscutível que a IA gerativa está aqui e já está causando impacto.

A Nova Era de Aprendizagem: A Inteligência Artificial na Educação

Marcos Oliveira

Marcos Oliveira

Marcos Oliveira é um especialista em criação de conteúdo digital e marketing, com um interesse especial em inteligência artificial. Com vasta experiência na indústria, ele já trabalhou com várias marcas de renome, ajudando-as a estabelecer uma presença online sólida. Como autor de destaque em nosso site, Marcos possui um conhecimento profundo das últimas tendências e desenvolvimentos na área digital, incluindo estratégias de SEO e marketing de conteúdo. Com sua expertise e autoridade, Marcos garante que seus leitores obtenham informações precisas e atualizadas sobre o mundo digital. Além disso, ele sempre se esforça para fornecer uma visão aprofundada e analítica dos assuntos abordados em seus artigos, enriquecendo o conteúdo e agregando valor para o leitor.

Notícias Relacionadas

Categorias

Redes Sociais